N55

logo-n55

Atletas de alto nível destacam apoio do GDF em solenidade que homenageou o Bolsa Atleta

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Atletas de alto nível destacam apoio do GDF em solenidade que homenageou o Bolsa Atleta

A sessão solene em homenagem aos atletas beneficiados pelo programa “Bolsa Atleta GDF”, realizada nesta quarta-feira (6), em plenário, foi marcada por agradecimentos ao apoio dos treinadores, de parlamentares e da Secretaria de Esporte do Distrito Federal. O evento foi uma iniciativa do terceiro secretário da CLDF, deputado Martins Machado (Republicanos),

Para o parlamentar, por meio dos atletas, o esporte em si é enaltecido. Martins citou também o “Programa Compete”, que é conjunto com o bolsa atleta, é importante para que se perceba o valor e a contribuição para continuidade das modalidades.

“Essa solenidade é porque sabemos que cada viagem é uma experiência e um capital intelectual. Imagino os atletas na viagem e as experiências compartilhadas entre si”, explica Martins Machado. 

Agradecimentos 

Para iniciar os discursos,  Ângela Lavalle, atleta olímpica de vôlei de praia, afirmou que nos seus 30 anos de carreira, descobriu “há pouco tempo que se nasce atleta”, pois a partir de certa idade, deve se superar para que se viva a profissão de atleta. 

“Aqui nesta cidade, temos um diferencial que nos apoia de verdade. É esse apoio que nos faz viajar por vários locais representando o Brasil. Hoje são mais de 3000 atletas apoiados e aos atletas paraolímpicos eu queria dizer algo especial: Vocês são incríveis. Acompanho as competições e vocês me emocionam demais por serem um exemplo de superação constante”, observou Ângela.

Já Iranildo Espíndola, atleta paraolímpico de tênis de mesa, disse que sempre gostou de praticar esportes e se tornou paraolímpico ao sofrer um acidente de mergulho, mas usou o esporte para se reabilitar. 

“Por causa do esporte, provei às pessoas e família que podemos sacudir a poeira e ir à luta. Ressalto ainda o projeto de lei nº 727/2023, aprovado recentemente, que igualou as bolsas dos atletas olímpicos e paraolímpicos, pois ninguém é melhor do que ninguém e isso é mais do que justo. Vamos à luta pois as oportunidades e incentivos estão aí.” 

“Ainda sou nova no esporte e, atualmente, sou vice-campeã brasileira em dupla de tiro com arco. Antes do esporte eu era uma pessoa muito sedentária e agradeço a aprovação da igualdade na bolsa”, disse Helena de Moraes, atleta paraolímpica. 

 

 

Para o atleta olímpico de atletismo, Caio Sena, o sonho era representar a capital federal e, graças aos investimentos do DF, pôde realizar esse desejo. 

“Eu comecei na minha modalidade, marcha atlética, em 2007 e neste ano já fui contemplado com o bolsa atleta. Falar dos meu currículo e resultados e também falar desse programa. Obrigado.”

Ian Santana Stuckert, atleta representante da APAE, agradeceu pelo suporte e reforçou que atletas com deficiência mental também podem competir. Ian é atleta de revezamento no atletismo. 

Por fim, Célio René, subsecretário de esporte e lazer do DF, citou que a realização do evento é para celebrar já que a jornada esportiva é dura com lesões, superações e é bom ter atletas de alto nível no DF. 
 

 

“O atleta de alto nível precisa de apoio e o GDF está evoluindo para dar esse suporte, mas sabemos que precisamos mais. Antes, atletas da capital precisavam ir para outras cidades para se desenvolver, porém agora invertemos isso e estamos estudando receber atletas de outros estados para prestar suporte. Agradeço as emendas dos deputados por causa dos incentivos aos esportes.” 

Célio citou que também estão sendo trabalhadas outras políticas públicas para práticas esportivas, como a Lei de incentivo ao Esporte, o Programa Bolsa técnico e nova inclusão de esportes no Bolsa Atleta. 
 

Acompanhamento na paraolimpíada
 

O deputado João Cardoso (Avante) esteve presente na solenidade e alegou que a partir do ano de 2024, em parceria com o presidente da Casa, Wellington Luiz (MDB) e o deputado Iolando Almeida  (MDB), vão propor a criação de uma comissão para acompanhar os esportes paralímpicos. Também anunciou que é possível destinar mais emendas parlamentares para viagens e hospedaria dos atletas. 

Martins Machado agradeceu a disposição das emendas de outros deputados, pois para ele os projetos para atletas são projetos de vida e é um investimento que tem retorno. 

Ao fim do evento, atletas e paratletas receberam moções de louvor. 

Fonte: Agência CLDF

Matérias Relacionadas